loading image

URT é aguerrida, surpreende e está classificada na Copa do Brasil

X

URT é aguerrida, surpreende e está classificada na Copa do Brasil


Foto: Reprodução/SporTV

O time de Patos de Minas venceu o Coritiba por 3 a 2 e está na segunda fase

Repórter Luiz Gustavo

Em partida cheia de alternativas, a URT bateu o Coxa na noite de ontem (14), no Estádio Zama Maciel. Mesmo com uma campanha pífia no Campeonato Mineiro, onde a equipe ocupa a última colocação, o Trovão Azul lutou até o fim e contou com o apoio da torcida para fazer história e classificar para a segunda fase da competição mais cobiçada no cenário brasileiro.

O jogo começou bastante equilibrado. Favorito e necessitando apenas do empate, o Coritiba teve três oportunidades de abrir o placar nos primeiros cinco minutos. Mas foi a URT que abriu o marcador. O experiente zagueiro Gladstone que já foi campeão da Copa do Brasil em 2003 pelo Cruzeiro, colocou a bola na rede, mas estava em posição de impedimento. Dois minutos depois, Cascata totalmente livre, após desvio de Reis, dominou e colocou a bola na “casinha”. A equipe da casa não teve tempo nem de comemorar. Rodrigão, mesmo caído, aproveitou a sobra na pequena área e empatou aos 12. A URT não se intimidou, precisando da vitória para se classificar a equipe azul, desempatou aos 43. Em falha da defesa Coxa-Branca, Reis aproveitou e não perdoou.

Após um ótimo primeiro tempo cheio de oportunidades para ambas as equipes, o Coritiba foi em busca do empate. Mesmo com as grandes defesas de Marcão, o goleiro da URT não conseguiu evitar a igualdade no placar. O ligeiro atacante Iago recebeu do lado direito, puxou para o meio e colocou a bola na rede após desvio na zaga. Tudo igual novamente e promessa de emoção até o fim. Aos 16, Djalma mandou a bola na trave, assustando o goleiro Wilson. Na sequência, Wilson salvou novamente em cabeçada de Gladstone. Mas, aos 21, não teve jeito. O zagueiro, que já havia colocado a bola na rede, mas teve o gol anulado devido à posição irregular, não teve misericórdia e marcou o gol da classificação. Em cobrança de escanteio, o lateral esquerdo Djalma mandou na área, Marcos Vinícius desviou e Gladstone completou na primeira trave. Festa da torcida e primeira vitória no ano.

Com a classificação, a URT vai enfrentar o Vila Nova-GO na próxima fase, em data a ser definida pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

URT
Marcão, Rodney, Gladstone, Marcos Vinícius, Djalma Silva, Diogo Orlando, Derly, Juninho Potiguar (Kaio Wilker), Cascata (Rafael Oller), Gilberto Carrara (Gilson), Reis. Técnico Ito Roque

Coritiba
Wilson, Geovane (Felipe Mattioni), Alan Costa, Sabino, Fabiano, Vitor Carvalho (Nathan), João Vítor, Juan Alano, Giovanni (Kady), Iago, Rodrigão. Técnico Argel Fucks

Resultados dos outros jogos da noite:

Atlético Tubarão 0x0 Brasil de Pelotas*
Sinop 1×2 Santa Cruz*
Fast Clube 1×6 Oeste*

*Times Classificados

Com o fim da primeira fase, os confrontos da próxima etapa ficaram assim:

Corinthians x Avenida
Foz do Iguaçu x Ceará
Bragantino-PA x Aparecidense
URT x Vila Nova
Botafogo x Cuiabá
Juventude x América-MG
ABC x Moto Club
Santa Cruz x Náutico
Fluminense x Ypiranga-RS
Luverdense x Figueirense
Santa Cruz de Natal x Bahia
Goiás x CRB
Santos x América-RN
Atlético-CE x Atlético-GO
Mixto x Chapecoense
Criciúma x Oeste
Tombense x Botafogo-PB
Londrina x Paraná
Serra x Vasco
Avaí x Brasil de Pelotas

Curtinha – Após a tragédia que vitimou 10 jovens no Ninho do Urubu, o Flamengo voltou a campo ontem (14) no Maracanã. O confronto com o Fluminense, válido pela semifinal da Taça Guanabara, foi movida pela emoção. Com um público aproximado de 55 mil pessoas, o estádio viveu uma noite de muitas homenagens com balões brancos, vídeo especial, nomes dos garotos nas camisas dos jogadores rubro-negros e música. Sobrevivente do incêndio, Cauan Emanuel esteve no estádio e foi impossível conter as lágrimas. Em campo, o Fluminense controlou a partida com uma forte marcação e foi premiado com o gol aos 47 minutos do segundo tempo. No vacilo do uruguaio Arrascaeta, que perdeu a bola para Caio Henrique, Ayrton tocou de primeira para Yony González, que cruzou rasteiro para Luciano decretar a classificação.

Outro post

X